Fisioterapia Ortopédica

 

 
 
 

Fisioterapia Desportiva e Ortopédica

 

 
Ex-Atleta de Alta Competição o Fisioterapeuta Marco Mendes tem uma visão única do que é a fisioterapia no desporto, além de lesões desportivas abordamos as mais diversas patologias do foro ortopédico:

Recuperação de próteses da anca, joelho e ombro
Reabilitação pré e pós-operatório
Recuperação de lesões traumáticas, tais como fracturas, luxações e contusões -Lesões da coluna vertebral agudas ou crónicas - discopatias - hérnias
Lesões músculo-tendinosas: roturas musculares, tendinites, bursites e contraturas
 
 
 

Laser ASA

 

 
Laser de Alta Potência ASA-O tratamento a laser é de longe o mais eficaz no tratamento de patologias músculo-esquelética, mas por ser um equipamento dispendioso não é utilizado, nem comparticipado por subsistemas como o SNS e a ADSE. A laserterapia é um tratamento indolor feito com a aplicação de raios laser sobre a região dolorosa, após um diagnóstico realizado por meio de palpação, testes específicos e mapeamento do local a ser tratado com ultrassonografia. Isso permite a marcação na pele dos pontos de aplicação com uma caneta especial. Durante a aplicação, o feixe de laser é mantido perto da pele, porém sem encostar-se a ela, enquanto a sonda faz a varredura das distribuições nervosas e dos padrões de dor. Apesar de ser ainda pouco conhecido, representa um tratamento não-invasivo aplicado nos locais de dor.
 
 
 
 

Aplicação de bandas neuromusculares

 

 
BENEFÍCIOS DA APLICAÇÃO DAS BANDAS NEUROMUSCULARES: Analgesia (redução da dor); Melhora da função muscular pela regulação do tônus muscular; Ajuda a função articular por meio de: - estimula a propriocepção; - correção da posição articular; - correção da direção do movimento; - aumento da estabilidade. Melhora as circulações sanguínea e linfática. INDICAÇÕES DAS BANDAS NEUROMUSCULARES: Correção postural; Tratamento de tendinites e tendinopatias; Analgesia; Auxiliar no tratamento das hérnias de disco;
 
 
 
 

Electroacupuntura

 

 
A electroacupunctura é um recente desenvolvimento da acupunctura tradicional que combina a punctura com agulhas e o estímulo eléctrico, para tratar os pacientes, foi desenvolvida na China como uma extensão da manipulação manual de agulhas de acupuntura em torno de 1934. O procedimento para a eletro-acupuntura é inserir a agulha de acupuntura que normalmente seriam feitas, alcançar a reação qi por manipulação manual, e em seguida, anexar um eletrodo para a agulha para fornecer estimulação contínua. A sua utilização melhora, por um lado, os efeitos terapêuticos da acupunctura, mas pode também aumentar o leque de indicações dos possíveis tratamentos com acupunctura. O tratamento com electroacupunctura tem sido aperfeiçoado até aos nossos dias e tem reunido largo consenso no que respeita aos seus resultados terapêuticos. Entre as principais indicações da electroacupunctura encontramos o tratamento de doenças neurológicas, incluindo a dor crónica, espasmos e paralisia . Em pacientes com graves doenças cardíacas, no entanto, o método deve ser usado com cuidado.
 
 
 
 
 

Artigo sobre a cura das dores da coluna